quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Um sorriso que não se apagará


Deus decidiu sacudir a minha existência e me mostrar o que é a vida real, finalmente, aos quase 40 anos. Eu nunca havia perdido alguém tão próximo, alguém com tanta vida ainda por viver, alguém com tantos planos e que esteve presente em muitos de meus momentos. Eu ainda não havia percebido que a vida realmente tem um fim, e inesperado, mesmo com tantas dúvidas sobre o aproveitamento de minha curta existência nos últimos anos.

De repente ela se foi... Não estava doente, não estava triste, estava apenas vivendo sua vida, aproveitando os momentos com os que ama. Ela queria fazer tantas viagens, queria construir sua casa no campo, queria ter suas coisinhas, receber os amigos, cuidar de seu filhinho. Seu querido filho, de apenas cinco anos, a quem tanto esperou e tanto amou, sempre enchendo seu mundo de alegria com as fantasias construídas manualmente, oferecendo-lhe tudo o que poderia oferecer. Ela não estará presente em nenhum de seus momentos, não mais segurará a sua mãozinha e o abraçará quando tiver pesadelos... Ele não mais ouvirá a sua voz gritando seu nome, nem sussurrando quando for dormir. 

Ela sempre dizia que sem ela, nós, os irmãos, não fazíamos nada, e agora, o que faremos? Ela era a caçula, mas sempre tomava as iniciativas de reuniões familiares. Como esquecer o botijão pegando fogo no almoço do dia dos pais? E a cantoria na casa do pai, em dia de natal? Como esquecer os cafés oferecidos e os jogos de videogame, que tanto amava? As gargalhadas na casa da mãe? Os braços sempre abertos para cuidar de nossos filhos, quando necessitávamos? 

Quando menina era travessa, dizíamos que a mãe "puxava saco". Ela foi a única que teve merendeira e mochila dos ursinhos carinhosos, fazia manha e dormia com o gato escondido, antes de encontrar um sanguessuga em seu pelo; depois disso, o Brancão, que era uma fêmea, foi relegada a um canto qualquer da minúscula casa em que vivíamos.

Fomos juntos a Porto Seguro, seu lugar favorito na terra. Nós nos divertimos muito e não nos esqueceremos nunca do "zigueriguidum". Porto Seguro nunca mais será a mesma...

Com quem vou falar sobre os meus medos, e a quem vou enviar fotos de roupas? Com quem planejarei fantasias de carnaval? Com quem poderei contar?

Ainda não acredito que tenha partido tão brevemente... Nada parece ter sentido, nem a vida, nem a morte.

Em pouco tempo vi um amigo jovem partir e agora a minha irmã. Por quê? Eu não sei e não saberei... Justo num momento tão novo para mim, em que teria tantas coisas para dividir... Mas deve haver uma razão, senão, porque criaríamos laços neste planeta? 

Vá em paz, minha irmã... Espero que nossos corações, especialmente o da nossa mãe e do seu filhinho, sejam confortados. Espero que o seu amor, que ainda está se recuperando, volte logo, para trazer alívio a todos. Siga, para onde for que sigam os que nos deixam, e que seja para um lugar maravilhoso, como as praias de Porto Seguro, que você tanto ama.


3 comentários:

  1. Li.... assim como você, é difícil entender a vontade da vida, dos Deuses...fica em nos a alegria que ela nos proporcionou nessa curta jornada da vida...
    Sobre cantar juntos fazer fantasias são as mesmas recordações que ficam em mim... ninguém pode substituir o lugar dela mas eu te ofereço não substituir, mas tentar preencher esse espaço que ela deixa em nós...
    Saudades sim tristeza Jamais foi o que ela nos ensinou

    ResponderExcluir
  2. Que texto emocionante e que momento da vida tão doloroso, minha amiga! Deus te dê amparo e compreensão sobre essas coisas incompreensíveis!!! Chorei ! Como finitude da vida é assustadora quando nos surpreende e corta histórias que ainda tinham tanto a escrever...

    ResponderExcluir
  3. Que texto emocionante e que momento da vida tão doloroso, minha amiga! Deus te dê amparo e compreensão sobre essas coisas incompreensíveis!!! Chorei ! Como finitude da vida é assustadora quando nos surpreende e corta histórias que ainda tinham tanto a escrever...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...