segunda-feira, 21 de abril de 2014

Decisão



Provavelmente eles dirão "não" e o responsabilizarão por toda a desgraça que vier acontecer à família inteira. Dirão que você é egoísta por estar pensando apenas na sua felicidade, deixando todos os outros infelizes; dirão que você está louco e que foi seduzido, influenciado por terceiros, que não está pensando direito. Lembrarão de sua infância e de todos os esforços que fizeram para criá-lo, fazendo de você quem você é hoje. Também dirão que você é uma decepção e que está destruindo as tradições e envergonhando toda a família. Talvez ameaçarão se matar e poderão sofrer mal súbito ou dizer que sofreram ataque do coração. Farão você se sentir mais culpado, mais sujo e nojento que o pior assassino que já pisou na face da terra. Dirão que você não fará mais parte da família e que se não acatar, você não terá mais família. E qual seria o seu crime para tamanho castigo?

O seu crime seria querer escolher o seu destino, contrariando o que outros planejaram para você desde o seu nascimento. O seu crime é não aceitar e não se importar com as tradições, o seu crime é querer seguir o seu coração. E por não querer aceitar o que os outros escreveram pra você, estes outros o deixarão de amar, por que o amor destes não é incondicional. O amor destes é direcionado e tem planos.

Mas quem é você? Como poderia suportar tanta responsabilidade sobre a vida dos outros, como poderia viver com a dor e o ódio destes que sempre foram a sua vida? Como poderia magoá-los, abandoná-los, não ceder à sua chantagem? Como poderia escolher a sua suposta felicidade fazendo infeliz aos que ama, mesmo que estes não estejam levando a sua felicidade em consideração no momento, julgando conhecer e reter toda a sabedoria camuflada de tradição? Como você seria feliz?

Quem é ela? Quem é essa intrusa que se infiltrou em sua vida desejando-lhe felicidade, sucesso e dando-lhe todo amor que alguém poderia dar? Quem é essa atrevida que ousou amar-lhe, doou-se e colocou tanta dúvida em sua vida? Quem ela pensa que é para tirar-lhe desse mundo tão certo e jogar-lhe num mundo cheio de incertezas e possibilidades? Quem é ela para causar dor aos que você ama? Fazer com que você deixe de se importar com os dizeres de quem não tem nada a ver com a sua vida e não paga as suas contas? Quem é ela para mudar as tradições?

Essa mulher é alguém que lhe ama verdadeiramente. Ama tanto que estaria capaz de enfrentar o mundo se você também estivesse disposto; mas ama tanto que não deseja forçar-lhe a deixar tudo o que conhece rumo ao desconhecido. Você é livre para decidir a sua vida, segundo essa mulher que lhe ama, apenas. Você pode tentar ou desistir. Você pode decidir ou regredir. Você pode encontrar outras alternativas para que as coisas aconteçam de outra forma, mas você só não pode ficar parado no meio da porta da vida.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...