segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

45 dicas para se aproveitar o prêmio da Mega-sena da Virada

A Mega-Sena da virada está estimada em 200 milhões de reais, você sabe o que são 200 milhões de reais? Pois é, nem eu. É tanto  dinheiro, que nem você e nem duas próximas gerações precisariam trabalhar nunca mais, vivendo só dos rendimentos da poupança. Mas, o que você faria se recebesse toda essa grana da noite para o dia? Eu tenho algumas sugestões sobre como eu tentaria passar alguns anos com essa graninha:



1- Visitar as pirâmides do Egito;
2- Participar de uma corrida no Polo Norte ao sol da meia noite;
3- Passear nos canais de Veneza;
4- Passar pelo Arco do Triunfo;
5- Ver o natal e a neve em Nova York;
6- Ver um eclipse total do sol;
7- Ver a aurora boreal;
8- Visitar as cidades dos Incas, Maias, Astecas, ou o que restou de sua cultura;
9- Fazer a caminhada de Santiago de Compostela;
10- Ver o festival de Parintins;
11- Ver o concurso de quadrilhas no norte/nordeste;
12- Ir à Octoberfest;
13- Assistir a uma corrida de Fórmula1;
14- Ir a um bar de gelo;
15- Visitar o edifício mais alto do mundo em Dubai;
16- Ver as cataratas do Iguaçu e do Niágara;
17- Ver o Grand Canyon;
18- Ir a um cassino em Las Vegas;
19- Ir à Disneylândia;
20- Andar de Camelo;
21- Ver o desfile das escolas de samba no Rio;
22- Visitar os Lençóis Maranhenses;
23- Ir ao show do Paul McCartney em Liverpool;
24- Montar um cinema e um estudio em casa;
25- Abrir uma instituição para jovens e idosos aprenderem arte;
26- Descer as cataratas num barril (brincadeira, hein, pica-pau!)
27- Visitar as Filipinas, Singapura, Sri Lanka e redondezas;
28- Ouvir um fado em Portugal;
29- Ver dançarinos de Flamenco na Espanha;
30- Assistir a abertura das Olimpíadas;
31- Ver o florescer das cerejeiras no Japão;
32- Fazer um boneco de neve;
33- Andar de limusine;
34- Escrever e publicar um livro;
35- Cruzar as muralhas da China;
36- Ver os campos de concentraçao do nazismo;
37- Ir ao museu do Louvre;
38- Entrar num castelo medieval;
39- Ir a Jerusalém;
40- Arrastar o niqab na Medina;
41- Comprar um prédio pra familia morar;
42- Realizar os desejos dos amigos;
43- Nadar no Mar Morto;
44-  Conhecer um mosteiro milenar;
45- Encontrar um lar.
 
 Enquanto não ganhamos, que tal irmos nos divertindo com o Pica-pau nas cataratas?




domingo, 29 de dezembro de 2013

Quem é você?


A mulher separada
A mulher que não é direita,
Não vale nada,
Toda mal feita.

A mulher com dois filhos,
A mais velha.
Deveria estar no asilo,
Deveria segurar uma vela.

Tem testa grande,
Perna fina de bambu,
Corcunda de Notre Dame ,
Vai ser igual ao boi de chuchu.

Jacu da roça, não sabe falar,
Nunca vai ter nada
Nunca vai trabalhar.

É doida e faz coisas esquisitas,
Faz teatro, escreve blog, desenha,
E ainda diz que é artista!

Faz curso de Letras, mas nem sabe pra quê!
Se um dia terminar, isso, vamos ver!
Ainda trabalha e deixa os filhos jogados,
Não sai pra gandaia, anos desperdiçados!

Não vai ao salão, anda toda largada,
Parece que morreu e já foi enterrada.
Não tem tempo pra nada, enrola na cozinha.
É maluca, já foi pra Índia sozinha!

Estuda, trabalha, cuida de filhos, da casa,
Não tem marido, não tem namorado, vaza!
Se tudo der errado, a culpa é toda sua!
Você não tem direito, quem mandou ficar nua?

Nada que faça trará o que você quer,
E contente-se com a bosta, você nasceu mulher.
Apodreça e definhe dentro dessa masmorra,
Contente-se com os sonhos, e depois, morra.






segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Maurício de Sousa se emociona no programa do Domingão do Faustão

O encontro (imagem divulgação Rede Globo)

Maurício de Sousa é sem dúvida o desenhista mais querido do Brasil. Crescemos com os seus personagens, acompanhando os planos infalíveis do Cebolinha e do cascão contra a Mônica, torcendo para que o Cascão tomasse um banho, e nos divertimos com tantos outros personagens, que são parte de nossas histórias, indiscutivelmente. 



Quando uma pessoa tão importante e que representa vivências de uma fase crucial de nossas vidas vem a publico e demonstra tanto carinho e emoção, como ele demonstrou neste domingo visitando um menino com uma doença rara no hospital, não podemos deixar de nos comover com ele.

Personagens

Apesar do apelo e da exploração da televisão sobre os seus convidados e "beneficiados", foi bom ver como Maurício ainda se sente grato pela admiração de seus fãs, especialmente daquele fã especial. Maurício de Sousa é como parte de nossas famílias, é uma pessoa querida que nos ajudou a modelar uma fase importante de nossas vidas. Eu também chorei quando ele não pode controlar suas lágrimas no programa, senti orgulho de tê-lo na minha infância. Obrigada, Maurício!

Nova fase: Turma da Mônica jovem

Clique aqui para assistir.

Manequins baseados em pessoas com deficiência física



Manequins são construídos levando em conta modelos com alguma deficiência física e são expostos nas vitrines de lojas chiques em Zurique, na Suíça. É interessante ver a reação das pessoas, e mais interessante ver a reação dos modelos reais. Veja o vídeo:


Video emocionante conta a vida de pai e filho

Este lindo vídeo "O farol", de Po Chou Chi, nos emociona contando a história de um pai e seu filho ao passar do tempo. Este vídeo venceu 27 prêmios internacionais e esteve presente em 50 festivais de cinema. Vale a pena conferir:

 

 

domingo, 15 de dezembro de 2013

Fleshmob em homenagem a Mandela

Linda homenagem feita a Mandela num supermercado, assista:


Mais sobre Porto Seguro

Este ano eu tive a oportunidade de viajar mais uma vez para Porto Seguro, só que agora fui com grande parte da família, filho, prima, irmãos e respectivos cônjuges e filhos. Foi a primeira vez que todos viajaram de avião, exceto eu, que já tinha vivido essa experiência. E lá se foi a "Família Buscapé" rumo à cidade do descobrimento!

Família "Buscapé" na escultura em homenagem à primeira missa.
Viajar com uma boa turma é sempre mais divertido, demos muitas risadas juntos. Dessa vez fomos até a praia da Coroa Vermelha, Trancoso, uma praia do Arraial D'Ajuda e aos corais de Coroa Alta.

Pessoas tentando ver os peixinhos

Sobre estes três primeiros lugares eu falei mais aqui. Falarei agora sobre Coroa Alta e outros aspectos do lugar.

Embarcações em Santa Cruz de cabrália

Para chegar até estes corais de Coroa Alta é preciso agendar uma viagem em alguma agencia de Porto Seguro. Você pode ir sozinho também, basta ter um carro e a direção certa. Nós pagamos R$ 70,00 cada, com a promessa de uma viagem inesquecível a uma ilha de corais onde se é possível visualizar peixinhos e outros tipos de vida marinha, antes que a maré suba e cubra quase tudo. Foi o passeio mais caro que fizemos.

Esperando a escuna

O motorista da van chegou mais de 9:00 da manhã e fomos em direção ao tal lugar. Foram alguns minutos até o local onde tínhamos que pegar uma escuna que iria navegar por uns 50 minutos até a ilha de corais. Eu não quis alugar os tais "crocs" por achar desnecessário, e não aluguei os snorkels por que não os usaríamos mesmo. Grande burrice! Quando chegamos perto da ilha de coral, tivemos que descer até um bote e depois andar na água até lá. o chão era rochoso e irregular, lotado de ouriços do mar nos buracos e não deu pra ver muitos peixinhos por que as pessoas fizeram a areia levantar. Muito rapidamente, a água começou a subir e tivemos que sair correndo para a escuna. O meu filho perdeu os chinelos que saíram boiando na água, eu tentei correr para alcançá-los, por que seria impossível andar descalço ali. Quase perdi os meus, os pés escorregavam e se machucavam nas pedras. Os chinelos do menino estavam longe, tentei correr, escorreguei e cai, escalavrei meu bumbum e ainda por cima deixei a câmera do meu irmão cair na água. Foi um filme de terror cômico, mas consegui pegar os chinelos e voltar a tempo.

Numa lanchonete, pronta para um X-tudo!

Foi um filme de terror por que não tomei os devidos cuidados, mas vale a pena ir até lá, desfrutar do passeio na escuna e ver aquela maravilha toda. Na volta, passamos num restaurante (que não aceita cartão de crédito), almoçamos rapidamente e depois o pessoal foi tomar banho de lama. No caminho para casa, passamos numa reserva dos índios Pataxós, onde dançamos e compramos algumas coisinhas.

 Dançando com os Pataxós

Trilha sonora:
 
Em todos os lugares que passávamos, principalmente na Passarela do Álcool, as pessoas colocavam "Ziriguidum" para tocar repetidamente. Com certeza, essa música é marca de nossa viagem a Porto Seguro:



Pontos positivos:

O melhor lugar que encontramos para comer foi o Canto Italiano, no centro de Porto Seguro. Comida excelente, preço justo e bom atendimento. No último dia, aconteceu uma pequena discussão lá entre uma cliente exaltada, a atendente e a dona do estabelecimento, mas o que seria de um canto italiano sem o calor humano, mamma mia! Recomendo, sem dúvida!

Slogan perfeito

A beleza natural é maravilhosa, ainda não acredito que o primeiro lugar em que os portugueses chegaram ainda preserve tanta beleza natural. Que continue assim! 

Pontos negativos

Os guias, motoristas e pessoas relacionadas ao turismo (a maioria), estão sempre ávidos por turistas e sempre nos levam aos locais onde ganham porcentagem, porém, isso é compreensível em um local que vive do turismo.

Existem muitas coisas a venda, mas é difícil encontrar lembranças tipicas para levarmos para casa. Quando vamos a um local diferente, desejamos encontrar o que não encontramos em nenhum outro lugar, não as mesmas bugigangas que encontramos em nossa cidade portando dizeres "Porto Seguro" feitos com caneta permanente... Mas ainda assim, encontrei algumas coisinhas:
Berimbau

Filtro de sonhos (penso não ser originário dos indígenas brasileiros, mas...)

xique-xique

Lança, arco e flecha

Quadro que forma diversas paisagens com o cair da areia

Paisagem desenhada com areia colorida dentro da garrafa

Continuo recomendando a viagem e um dia quero voltar lá, mas depois de ter conhecido outros lugares. Beijos, Porto Seguro, meu rei!

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Lágrimas idosas


Só penso nos dias de outono
Quando me pegarias pelas mãos rugosas
Caminhando pelas ruas cheirosas
Cuidando, espantando o sono.

O teu olhar opaco pela idade
Com o mesmo brilho penetraria
dentro da alma que algum dia
Eu entreguei a ti, com verdade.

Sinto saudades de nossas vidas
As quais nunca teremos juntos
Pois preferistes, entre muitos,
O caminho de cidades escolhidas.

O tempo há de limpar tua alma
E outra mão rugosa segurarás pelas ruas,
Lembrando - te de velhas histórias
Esquecendo - te de minha alma nua.

Eu continuarei saudosa
Andando por ruas mal cheirosas
Com os olhos a olhar as nebulosas
opacos por lágrimas idosas.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...