segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Tenha fé


Disseram: Clamem ao Deus, Orem! Mas não sabem que não sabemos nem a que Deus orar... Não sabem que não acreditamos mais nas virtudes que nos foram ensinadas pelos livrinhos coloridos, não sabem que não nos levantamos mais ao cantar o hino nacional, sequer sabemos a letra! Os inocentes não vêem que não aguardamos mais pelos natais e as suas noites esperançosas, por que não acreditamos mais no espírito de natal. Os tolos não percebem que, além dos natais, no mundo se celebram e aguardam pelos ramadans, os diwalis, os anos novos chineses. Se soubessem que a liberdade que cultuam é apenas a liberdade que eles criaram... Uns pensam que cobrir o corpo é ser prisioneiro, enquanto outros pensam que se queimar de sol é degradante. Gueixas desfiguraram os seus pés obedecendo à uma ditadura psicológica, assim como chinesas usam máscaras na praia e brasileiras se enchem de botox, silicone e mostram todo o seu corpo para o mundo. Quem é livre?

Ordenaram-nos que tivéssemos fé... Em que? Em Deus. Acreditar, mas em qual das centenas de verdades absolutas que reinam na terra? A que lhes trará a paz. Respeitarão nossas escolhas? Não. Escolham as nossas escolhas!

Disseram-nos: Tenham paciência! Até quando? Até quando chegar a hora certa. Qual será a hora certa? Só o Deus sabe.

Os ciclos não fazem mais sentido para nós. Não aguardamos mais os fins e os inícios, não fazemos mais planos, não escrevemos mais cartinhas de desejos. Não há mais desejos, nada há ali, além de amargura e negrume. Arrancaram nossas tripas destrinchadas e deixaram-nas secando ao sol. Todos  querem  usar o que podem usar, todos querem jogar com as almas inocentes até que ali não reste mais nada. Em ninguém resta mais nada.

Disseram: Tenham fé! Um dia a paz reinará em seus lares. Talvez, neste dia, não tenhamos mais lares no mundo. Talvez a paz, a liberdade e a igualdade sejam apenas uma utopia, afinal.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...