quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

LIBERDADE



Dizem que liberdade é poder fazer o que se deseja, desde que não prejudique os outros ou interfira nos direitos de liberdade destes. De acordo com a Wikipédia, "Liberdade, em filosofia, designa de uma maneira negativa, a ausência de submissão, de servidão e de determinação, isto é, ela qualifica a independência do ser humano. De maneira positiva, liberdade é a autonomia e a espontaneidade de um sujeito racional. Isto é, ela qualifica e constitui a condição dos comportamentos humanos voluntários."

 Liberdade é um conceito abstrato e não muito fácil de ser explicado. Os adolescentes imploram pela liberdade de fazer o que desejam em detrimento das preocupações paternas, os prisioneiros desejam a liberdade para saírem de suas grades, poder ir e vir, sentir o sol, ver o mundo; os doentes desejam se ver livres de suas mazelas, dos seus sofrimentos; os atormentados por um amor negativo desejam se livrar de suas dores e perseguições. Podemos perceber que ter liberdade é ter  o direito de ir e vir, de poder usar os sentidos de acordo com a própria vontade, de se libertar das mazelas. Por que os homens desejam escravizar uns aos outros e tomar-lhes o que lhes é mais precioso, a liberdade?

Há vários tipos e níveis de escravidão. Ainda existem pessoas que são realmente escravas, tratadas como objetos, sem direito de escolha algum, trabalhando em lavouras clandestinas, como os negros há algumas décadas no Brasil, o que é inadmissível. Porém, mais que esta escravidão factual, existe a escravidão psicológica, causada e alimentada por laços afetivos. Esta destrói o corpo e a alma do escravizado.

O que mais existe no mundo, entre famílias e em qualquer tipo de relacionamento, é a demonstração de poder através da chantagem emocional. Muitas coisas entram nesse meio, como a cultura (mais ou menos opressiva),e a personalidade dos envolvidos, e é a escravidão mais difícil de ser cessada, por que ela é causada pelas pessoas que mais amamos. Como nos libertar da escravidão sem ferir, sem destruir, sem parecermos egoístas? Na verdade, quem será egoísta neste caso?

Difícil saber...Mas o fato é que ninguém deveria ser punido por desejar viver a própria vida, ninguém deveria ser execrado por fazer escolhas e assumí-las, ninguém deveria ser prisioneiro de vontades alheias. Não há nada mais triste no mundo do que ser um zumbi sem vontades, um boneco sendo movidos por finos fios, vivendo apenas as sombras e migalhas do que lhe permitem ter.



4 comentários:

  1. É Lu,concordo em cada palavra dita nesse texto,..
    Realmente "O que mais existe no mundo, entre famílias e em qualquer tipo de relacionamento, é a demonstração de poder através da chantagem emocional. " e é mesmo a "mais difícil de ser cessada",exatamente porque ela é causada pelas pessoas que mais amamos e acredite esse amor "familiar" tem poderes devastadores sobre nos.... Tem que Haver muita força para quebrar essa algema.

    ResponderExcluir
  2. É muito dificil amar desprendidamente, sem dominação, sem egoísmo...É dificil amar de verdade.

    ResponderExcluir
  3. existe ainda uma escravidão, que é aquelas que nós mesmos nos submetemos, é quando entregamos a nossa vida a algúem ao ponto de entregar a nossa felicidade nas mãos desse outro alguém... tornando asssim a nossa vida cada vez mais miseravel dependendo de migalhas que lhe é oferecido... fazendo de nós mesmos escravos... o nosso eu escravo do nosso próprio eu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. è verdade, muitas vezes nos conformamos em nos tornar escravos de migalhas, essa escravidão é triste, miseravel e dificil de ser superada.

      Excluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...